Capital Europeia da Cultura 2012 - Férias em Guimarães

23:28:00

Devo-vos dizer, que infelizmente voltei das férias. Foram quatro magníficos dias passados maioritariamente em Guimarães, e um dia em Braga. Aconselho, profundamente que visitem Guimarães, não sei se é por ser a Capital da Cultura 2012, que está linda linda. Toda ela respira história por todos os cantos. Turistas é vê-los, e o tempo é espectacular, cheguei a andar três dias consecutivos só com uma camisola de malha, e mesmo assim quando ficávamos expostos ao sol pareciam estar trinta e muitos graus.
Mas bem, nem tudo são rosas, pois tivemos um ligeiro contratempo em relação ao hotel que reservamos online meses antes. Acabados de chegar a Guimarães, completamente cansados de uma viagem de três horas e tal, o que pedíamos naquela altura era descanso e algum comodismo. Digamos, que mal pus os olhos no suposto hotel  que reservamos, não me convenceu muito, mas como ainda não tínhamos entrado não quis fazer juízos precipitados. O pior foi mesmo quando entramos no quarto, nada do que havíamos pedido correspondia ao que nos foi exposto na altura. O quarto era totalmente claustrofóbico, a televisão era qualquer coisa do século passado que nem com lentes garrafais se conseguia ver seja o que fosse (ainda por cima na quarta feira dava o Benfica...imaginam não é),  mini bar nem vê-lo, a casa de banho...dessa nem me vou prenunciar, a vista era exclusivamente para uns quantos prédios todos em cima uns dos outros, as paredes eram feitas de papel (só podia), ouvia-se ao mínimo movimento que o outro vizinho fizesse...bem, como calculam e bem, fiquei aterrorizada e só queria sair dali. Felizmente e depois de tantas peripécias, encontramos o sitio perfeitinho, do qual tenho muito pena de não nos ter vindo á mente mil vezes mais cedo. Aterramos com sucesso no Hotel Ibis!
E quando digo perfeitinho é porque foi mesmo perfeitinho! Situa-se mesmo no centro de Guimarães, ou seja, foi nos possível conhecer o centro histórico a pé, não nos custou nada, pelo contrário. O centro comercial, ficava a cinco minutos era só atravessar a estrada e lá estávamos o que para poupar gasolina é óptimo. O atendimento, super simpático e sincero. Nunca fomos mal eludidos fosse com o que fosse. Aconselho!

E porque acho que as palavras já são muitas, deixo as imagens que dizem muito mais. Enjoy!















(Segundo o senhor do restaurante, quando os peregrinos que iam para Santiago de Compostela passam por ali, deixavam uma moeda na parede deste restaurante, e como boa seguidora que sou e tudo o que me soa a boa sorte me interessa, também deixei lá uma moeda.)

 (na ultima noite que passamos no Hotel, fomos premiados com um Tv nova, ou seja, vimos o Benfica em HD)

You Might Also Like

0 comentários

Like us on Facebook

MY INSTAGRAM @BALLERINESJOURNAL

Subscribe